sexta-feira, 17 de outubro de 2008

XIX Semana Espírita Humberto de Campos

Começa dia 20 de outubro a XIX Semana Espírita Humberto de Campos, uma realização do Movimento Espírita de Parnaiba, com programação nas Casas Espíritas durante a semana e encerrando a programação, um workshop sobre bioética e momento de arte no Cajueiro de Humberto de Campos. Humberto de Campos viveu um período de sua infância em Parnaiba, plantou um cajueiro no quintal de sua residência e imortalizou seu carinho pelo cajueiro, na Obra "Memórias".
Após o desencarne psicografou obras através do médium 'Chico Xavier' com o pseudônimo de 'Irmão X'.A Semana Espírita já faz parte do calendário de eventos da Prefeitura de Parnaiba.

A coluna espírita do 180graus, estará informando sobre toda a programação.

Questões Bioéticas à Luz do Espiritismo

Dr. Francisco Cajazeiras é convidado do Movimento Espírita de Parnaiba, para encerrar a programação da Semana Espírita com o workshop - Questões Bioéticas à Luz do Espiritismo
• Início da Vida
• Pesquisa Embriões
• Reprodução Assistida
• Clonagem
• Terminalidade
• Transplante de órgãos

25.10 – Auditório da Universidade Federal
18:00 às 21:00h
O evento tem entrada franca.

Seminário sobre Bioética com o Dr. Francisco Cajazeiras

Dr. Francisco Cajazeiras
Médico clínico geral e cirurgião geral na capital do Ceará e leciona, como professor das disciplinas de “Neuroanatomia” e “Psicofarmacologia”, na Universidade de Fortaleza (UNIFOR) e na Faculdade Integrada do Ceará (FIC).No Movimento Espírita tem participado de diversos Congressos, é expositor espírita com uma agenda de palestras e cursos em casas espíritas. É fundador e atual presidente do Instituto de Cultura Espírita do Ceará (ICE-CE), No biênio 1995-96, foi vice-presidente da Federação espírita do Estado do Ceará (FEEC).

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Homenagem à Kardec

3 de outubro - Aniversário de nascimento de Allan Kardec, o Codificador do Espiritismo
Sobre a Terra de sombra e de amargura
A treva espessa e triste se fizera.
A Ciência e a Fé nas asas da quimera
Mais se afundavam pela noite escura

A alma humana de então se desespera,
E eis que das luzes místicas da altura
Desce outra luz confortadora e pura,
De que o mundo infeliz se achava à espera.

E KARDEC recebe-a, sobre o abismo
Espalhando as lições do Espiritismo,
Em claridades de consolação.

Emissário da Luz e da Verdade,
Entrega ao coração da Humanidade
A Doutrina de Amor e Redenção.

Casimiro Cunha