domingo, 6 de abril de 2008

DEU NO ULTIMO SEGUNDO

Sinopse de imprensa: exame revela que Isabella foi espancada
SÃO PAULO 05.04.2008 - Após reunião no Instituto Médico Legal (IML), na sexta-feira, peritos criminais e médicos legistas concluíram que Isabella Nardoni, de 5 anos, foi espancada. As informações são da edição de domingo do jornal "O Estado de S.Paulo". http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/04/05/sinopse_de_imprensa_exame_revela_que_isabella_foi_espancada_1259834.html

Conforme notificações sobre violência doméstica reunidas pela Agência de Noticias dos Direitos da Infancia (Andi), em 2000, o número de crianças mortas dentro de casa chegou a 135, enquanto número de registros de violência nas famílias chegou a 4.330. Em 2001, foram 257 mortes e 6.675 registros de violência. Em 2002, 42 mortes e 5.721. Para 2003, último ano com dados disponíveis, os dados são 22 e 6.497.
Os estudiosos acreditam que 3 em cada 10 crianças brasileiras moram em lares onde a violência é um dado quase tão freqüente como água na torneira e comida na mesa.
Apenas no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o órgão da polícia paulista que investiga homicídios, atuam três equipes especializadas em crimes contra crianças e adolescentes. Um número infinitamente maior de policiais atua nas delegacias dos direitos da mulher. Essa função não é exatamente nova. Foi criada depois que o Congresso aprovou o Estatuto da Criança e do Adolescente (Eca).

Q. 752 O Livro dos Espíritos
Poder-se-á ligar o sentimento de crueldade ao instinto de destruição?
R. É o instinto de destruição no que tem de pior, porquanto, se, algumas vezes, a destruição constitui uma necessidade, com a crueldade jamais se dá o mesmo. Ela resulta sempre de uma natureza má.

Cada ato de agressividade que ocorre neste mundo tem como origem básica, uma criatura que ainda não aprendeu a amar.
Espírito Hammed

Na raiz da crueldade existe um transtorno profundo de personalidade, uma alienação perversa que se origina de conduta criminosa vivenciada em existência passada. Capacidade de dissimular os sentimentos, assumindo personalidade saudável para logo expressar-se na sua realidade cruel. O indivíduo não expressa qualquer arrependimento pelos atos praticados.
Conflitos existenciais - Joanna de Ângelis

Nenhum comentário: